quinta-feira, 18 de agosto de 2011


Quero te falar do que sinto e dos instantes que fico a pensar na vida e a tua imagem me toma por completo.
Te contar que tenho dores e que sangra meu peito muitas vezes quando as lágrimas precisam ficar caladas.
Dizer da sensualidade que aguça meus sentidos quando meus olhos te avistam e do sentimento terno que de mim se apossa quando chegas lânguido e me toma a boca num beijo.
Momento de paz e de refúgio completo entre teu sorriso e teus braços.
Essas palavras que te dou agora são apenas parte de mim e o que te escrevo não é tudo o que sinto porque meu sentir não caberia em mil folhas nem em todas as palavras que eu possa conhecer.
Meu amor não tem medidas exatas, não tem fronteiras nem limites.
Meu amor é tanto que às vezes nem cabe em mim.

Lou Witt

8 comentários:

  1. Estou colhendo cada gota de esperança pra transbordar em versos de felicidade.

    (Sirlei L. Passolongo)

    Beijos e o meu carinho....M@ria

    ResponderExcluir
  2. Oi Lou
    Tanto amor assim, é o que todos queriam, mas que poucos têm.
    Bjux

    ResponderExcluir
  3. Muitas vezes queremos falar muitas das coisas que sentimos, mas nem sempre as pessoas estão com tempo para nos ouvir...
    O jeito é escrever... assim, como uma catarse.
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lou! Teu blog é ótimo, poesias ternas, que harmonizam nossa alma,os ventos do Sul nos atraem e por vezes, como fizeram com Ana Terra, trazem histórias de um amor perdido no passado...
    Passa lá no meu blog
    http://zeliacunhapintandopoesia.blogspot.com/
    Um lindo final de semana.
    Bjs
    Zelia

    ResponderExcluir
  5. Oi Lou, boa noite.
    Trazemdo meu carinho e admiração por tudo que és.
    Besus

    ResponderExcluir
  6. Tua presença é constante
    a saudade permanente;
    vejo-te nas estrelas
    sinto a tua luz...

    Marisa de Medeiros

    Amor & Paz prá voce! M@ria

    ResponderExcluir
  7. Ouça com o coração quando quase lhe parecer silêncio: é o meu amor falando baixinho só pra não acordar o seu medo de amar...

    Ana Jácomo

    Beijos poéticos....M@ria

    ResponderExcluir
  8. "Amigo é assim...
    Um verso, uma canção...
    Um riso, um abraço.
    Um ombro.
    Uma irmão de Coração."

    Sirlei L. Passolongo

    BOM FDS E BEIJOS MEUS! M@ria

    ResponderExcluir

pétalas