sábado, 27 de fevereiro de 2010


Escrever sobre o amor. E o que é o amor? Essa dor dilacerante que rasga o peito quando se pensa no amante que de tão distante faz-se pensamento e mesmo intocável se transforma em algo tão da gente.
E queremos mais e sempre amar mesmo que rompa as artérias e barreiras, mesmo que sangrem as feridas e a alma.
Amor que nos move e nos leva a fazer loucuras quando queremos incessantemente vivenciar os desejos que ele nos faz sentir e a querer loucamente a presença do alguém, objeto do nosso amor-desejo.
Amor que paralisa e nos deixa em desespero quando percebemos que aquele ser por nós tão amado sente um amor também tão grande por outro alguém, ah, é uma dor sufocante a dor do não receber, do vazio do não ser amado por alguém a quem tanto amamos.
E seguimos na vida sempre amando e de nada adianta querer ter o controle porque quando o amor bate na sua porta, mesmo que você não queira abrir ele sempre encontrará uma fresta e ao menor descuido seu ele entra.

6 comentários:

  1. Amazing blog!!

    http://balapertotarreu.blogspot.com

    Frank

    ResponderExcluir
  2. Olá Lou
    O amor não se define: vive-se, e escrever sobre ele é tão complicado quanto vivê-lo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Minina Lou:

    O sol hoje ,se fez duas vezes,para euzinho!
    Primeiro,sob as do Arpoador Pedras ,vislumbrando o de Ipanema Mar e o sol brotando,quase de dento dele,mas,,de lap top mini em algibeira minha,teu sorriso percebi em campos meus de girassois,e teu sorriso,e teu semblante,e teus cabelos affmaria Lou,meus sais ,please!

    bem vinda

    i bzu na alma
    i em cardíaco seu,
    a cada seis horas!
    UM BOM DOMINGO,LINDINHA!

    VIVA VIDA

    ResponderExcluir
  4. Obrigada queridos,
    bom domingo e beijos!!!

    ResponderExcluir
  5. No amor todos nós somos auto didatas...rs..rs..rs..tentamos explicar o que nao tem explicação,,,e como é bom falar dele, e eu ate acredito que esse misterio que ronda sobre ele é o fascinio que temos,,,se um dia desvendarmos tudo,,,vamos falar como? melhor ficar assim,,,e vamos seguindo,,acreditando que um dia tenhamos todo amor que houver nessa vida....beijos de otima semana pra ti.

    ResponderExcluir
  6. Tem razão, querido Everson, por mais que tentamos nunca conseguiremos decifrar o amor.

    Beijossss

    ResponderExcluir

pétalas